Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘declaração’

Quando tudo era nada

E eu já não me importava

Quando já não havia esperança

E já não fazia diferença

 

Assim mesmo sem querer

Apareceu você

Um tanto quanto timido

E um jeito gentil

Você foi preenchendo

O que antes era apenas vazio

 

E aos poucos aprendi a aceitar

E me acomodar no seu ombro macio

Sem muitas intenções

Apenas deixando acontecer

O que eu tanto sonhava

Você

 

Mais do que eu imaginei

A atenção que você me da é tão única

Que me leva a pensar

Se sou capaz de um dia te merecer

 

Deixo de lado meus medos

Minhas inseguranças infantis

Até mesmo um passado conturbado

Pois tudo que importa agora

É te fazer feliz

 

E essas humildes linhas são para você!

Read Full Post »

E mais uma vez me encontro aqui
A porta trancada
A escuridão
O medo

E mais uma vez me encontro aqui
E me acompanha apenas
O vazio
E a frustação

E mais uma vez me encontro aqui
Na porta a bater
Tentando entrar
Tentando entender

E mais uma vez me encontro aqui
Insistindo
Querendo te entregar
O único bem que possuo

E mais uma vez me encontro aqui
Com o fardo pesado
Torturando meu corpo
Já sem forças para carregar

E tudo que busco
É a entrega
Que nunca consigo terminar….

Read Full Post »

O que é o talento?

Ou a benção?

Se não o destino me cobrando

O preço por aquilo que não pedi

 

O que são palavras bonitas?

Se não versos sofridos

De uma alma cansada

Pagando com moedas

Essa imensa dívida

 

O que sou eu?

O que é você?

Se não pequenos seres errantes

Em busca de perdão

Ou de luz

 

Quem somos nós?

Quando nossos destinos se cruzam

Como que armado pelo vento

Para nos iludir e enganar

 

E quem pagará o inferno?

Pelas nossas andanças

Sem rastro e sem direção

Nesse mundo que de tão grande

Nos torna tão pequenos

 

E quem me libertará?

Do sofrimento eterno

Que me trás nada

Além de inspiração

Read Full Post »

Algo se perdeu no caminho

Algo que ambos perdemos

E lamento nunca mais encontrar

 

Quando olho para trás

Lembro do que me feriu

Sem ver o que me fez feliz

 

Sei que um dia encontrei

Felicidade e carinho em seus braços

E sinceridade em seu olhar

 

Mas, o que vejo agora

São feridas abertas

Que nem mesmo o tempo

Conseguirá curar

 

E quando penso em apagar tudo

E tentar começar de novo

Tenho medo

Como pássaro ferido

Que tem medo de abrir as asas

E voar…

 

Não sei dizer que sim

Ou que não

So sei daquilo que temo

 

E quanto mais eu penso

Mais me escondo do mundo

E me condeno a solidão

 

Não sei se preciso de tempo…

 

Porque você tem que ser uma tempestade?

Quando tudo que eu quero

É um simples pôr do sol…

Read Full Post »

Quando olho para o lado

vejo que o que me deixa segura

não me fará feliz

 

Quando penso

me perco em incertezas

que me fazem tremer

 

Quando acordo

vejo um novo dia

que terminará incompleto

 

Quando finjo

que está tudo bem e normal

sinto um vazio que me tortura

 

Quando abro as cortinas

o mundo parece um sistema

onde tudo é perfeito menos eu

 

Quando fecho meus olhos

sonho com novidades e certezas

em meio a tantos caminhos sem saida

 

Quando penso que já chorei demais

descubro que estou cada vez mais fundo

em um vale de lágrimas sem fim

 

Quando acho que atingi meu limite

vejo que a esperança

é o que me faz apesar de tudo, sorrir!

Read Full Post »

No universo das minhas confusões

Encontro-me mais uma vez sem rumo

E nem com aqueles que costumavam me dar refúgio

Posso contar

As palavras presas na garganta

Que se recusam a sair, seja como poesia ou grito

Delas dependo e só delas…

O último barco partiu rumo a lugar nenhum

E perdi a minha única chance de me esconder

Sem abrigo me vejo

Em meio à tempestade que jamais poderei controlar

 

E fico me culpando

Pelas coisas que não tenho o poder de fazer

Espero impaciente, por mudanças e respostas que não dependem de mim

E que podem me machucar

Tormentos vêm e vão

E eu nunca aprenderei a lidar com eles

Jamais me acostumarei

Ao que a vida impõe a todos…

Que este período de mudanças me faça forte

Sem me afogar em minhas próprias lágrimas

Que minha visão se mantenha plena

E que continue a sentir o sabor

 

Que minha energia não se esgote

Por que o sol voltará a brilhar

E a renovação valerá à pena

Como garante a profecia!

 

Read Full Post »

…Das coisas que penso

Não vou tão longe

Por não entender

O caminho…

…Das palavras soltas

Encontrando refugio

Em memórias

Por ora esquecidas…

…Das canções escritas

Cantando as perdas

Amores esquecidos

Jamais reparados…

…Dos olhares perdidos

Tentando encontrar

A visão perfeita

Sem nunca ser retornada…

…Das noites boemias

A música ao fundo

A noite fria

A promessa de refúgio…

…Das lágrimas derramadas

Pelas almas sem rumo

Procurando no infinito

Seu par nunca visto…

Read Full Post »

Older Posts »